sexta-feira, 20 de janeiro de 2012

Coxas grossas podem proteger a saúde, diz estud

A gordura estocada no organismo faz muito mais mal do que bem, isso todo mundo sabe. Além de prejudicar a silhueta, ela também atrapalha a saúde, mas cientistas dinamarqueses descobriram que quando a gordura está localizada abaixo da linha da cintura, como nas coxas, pode estar relacionada à prevenção de certas doenças.

O estudo foi divulgado no site da Universidade de Harvard (EUA) e contou com a participação de 2.816 voluntários de ambos os sexos e idade entre 35 e 65 anos que não tinham doenças cardíacas ou derrame. A constatação dos pesquisadores foi de que pessoas com coxas grossas têm chances menores de sofrer problemas cardíacos e morte prematura do que aqueles com coxas finas.

Em números, a circunferência das coxas, quando medida no local onde elas se encontram com o bumbum, acima de 62 cm era a mais protetora. A medida das coxas poderá se tornar um detector independente de risco, quando combinada a outros fatores analisados pelos médicos, como pratica de exercícios, tabagismo, altos níveis de colesterol e triglicérides, alcoolismo, pressão arterial e menopausa.

Os cientistas de Harvard ressaltaram que o estudo ainda precisa de mais análises, já que os dinamarqueses não estudaram a composição da coxa e, por isso, não determinaram se a proteção viria de mais músculos, mais gorduras ou a combinação dos dois. 

Temos como intuito postar notícias relevantes que foram divulgadas pela mídia e são de interesse do curso abordado neste blog. E por isso esta matéria foi retirada na íntegra da fonte acima citada, portanto, pertencem a ela todos os créditos autorais.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Compartilhe conosco suas ideias.

Postagens Recentes: